Walk on

Eu estava no meu último dia de gravidez. Ao contrário do que imagino quando me vejo grávida, estava bonita. Bem bonita. A barriga era redondinha e grande, mas não parecia que ia estourar. Não dava desespero, nem medo. Mas o bebê não saía. Era o último dia e ele não dava sinais de que ia sair. Ou eu não dava sinais de que ia deixá-lo sair.

Esse foi um dos sonhos que tive no último final de semana. Fiquei com ele na cabeça e achei que era apenas pela minha imagem grávida. Nunca tinha me visto assim, nem em sonhos, e me surpreendi, porque era algo agradável de se ver. Mas achei que era só isso. Só que hoje, tirando um cochilo no ônibus – daqueles em que a gente deixa a boca aberta e até baba um pouquinho – percebi que tinha mais do que uma imagem na minha cabeça.

Tenho lutado comigo mesma, nos últimos tempos, para me destravar, para deixar a vida me levar mais na boa, para deixar para trás momentos e pessoas que me fizeram rir ou chorar – e que não pertencem mais ao presente. Só que isso tem me consumido muito. Até fisicamente me sinto acabada pelo esforço de deixar as coisas irem. A imagem da grávida que não deixa o bebê nascer faz todo o sentido.

Se eu não deixar o bebê nascer, ele vai morrer dentro de mim. Se eu não deixar o bebê nascer, nunca vou conhecer sua carinha e saber se o amaria mais fora do que dentro de mim. Se eu não deixar o bebê nascer, nunca vou passar da condição de grávida à de mãe. Pois bem, se é preciso passar pelas dores do parto pra deixar algo pra trás e encarar o novo ciclo, que venham as dores. Por mais fortes que sejam, elas têm hora pra acabar. É só deixar elas irem…

~ por Lúcia Nascimento em 30/03/2010.

2 Respostas to “Walk on”

  1. É isso aí! E que venha o rebento, com todas as novas possibilidades e descobrimentos que ele traz, sem medo de encarar o desconhecido mas ao contrario, com admiracao, inteligencia e sede do novo!!

  2. PS 1: Adorei o titulo!!
    PS 2: Veja a secao “Crescer” deste post: http://deanoseua.blogspot.com/2010/03/one-into-several.html

    acho q tem muito a ver com o q vc falou

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: